Traficantes são alvo de operação policial no Sertão de Pernambuco e na Bahia

Três quadrilhas acusadas de tráfico de drogas no Vale de São Francisco são alvo de mais um trabalho em conjunto das Polícias Civil e Militar. A operação intitulada Dédalo II tem como objetivo desarticular o esquema de compra e venda de entorpecentes como o crack, a cocaína e a maconha nas cidades de Petrolina e Belém do São Francisco, em Pernambuco, além do município de Casa Nova, na Bahia.

De acordo com as investigações, as quadrilhas são chefiadas por detentos da Penitenciária Dr. Edvaldo Gomes, em Petrolina. A pasta base de cocaína era trazida do estado de São Paulo para o município do Sertão Pernambucano, onde era refinada e redistribuída para outras cidades da região. Informações levantadas pelo serviço de inteligência da Polícia Civil apontam que as três organizações criminosas, juntas, movimentavam por mês cerca de 180 mil reais.

Desde o início das investigações já foram apreendidos 7 kg de pasta base de cocaína, 230 gramas de crack, uma pistola calibre 40, uma pistola calibre 9 mm, um revólver 38, uma espingarda calibre 12, uma espingarda calibre 28, duas espingardas calibre 36 e um rifle calibre 22.

Ao todo, 190 policiais participam da ação, que cumprirá 13 mandados de prisão temporária e 12 de busca e apreensão domiciliar.

Comentários